Militância de esquerda desapontada

- sexta-feira - 02/02/2018 Boca no Trombone

A gota d’água foi a desastrosa viagem para Porto Alegre na semana passada. Os dirigentes de esquerda prometeram parar a cidade e vergar a Justiça Federal, além de encaminhar um novo mandato para o ex presidente Luiz Inácio, o Lula. Nem uma nem outra. No acampamento em uma quiçaça, a militância montou as barracas, logomarca do MST e acomodaram os menos de três mil simpatizantes que nada somaram para a absolvição de Lula.

                                                                                                     

                                                                                                 Condenado na “ditadura” e na Democracia

Lula acabou sendo derrotado, em segunda instância, por unanimidade: 3 a 0. Sua pena foi aumentada de nove anos e meio em regime fechado para doze anos e um mês. É a pior derrota judicial da esquerda em toda sua história. A Lei da Ficha Limpa, sancionada pelo próprio Lula, é clara: nenhum condenado em segunda instância pode disputar eleições durante oito anos. O fato de os três juízes terem aumentado sua pena de modo unânime mostra que eles entenderam que a visão da sociedade brasileira sobre corrupção mudou definitivamente. A era esquerdopata está com os dias contados.

Se eu fosse Michel Temer (PMDB), Aécio Neves (PSDB) ou algum outro corrupto menos notório, não gastaria um segundo comemorando.  Não terão foro privilegiado em 2019 caso não sejam reeleitos este ano (e tudo indica que não serão). Até agora, o STF tem protegido políticos como Aécio e Gleisi Hoffmann (PT), entre tantos outros. Paulo Maluf (PP) foi exceção.

                                                                                           

                                                                                        Contracheque que extrapola a razoabilidade

Porém, Lula não deve estar preocupado. Se trinta dias de cadeia no período militar renderam o pomposo contracheque acima, imaginem o quanto será o de 12 anos e um mês? Ele não é o único agraciado no período. Também FHC, Dilma, Zé Dirceu, enfim, todos os que lutaram contra a “ditadura” foram contemplados. Então, senhores e senhoras militantes de esquerda, quiçá, num futuro próximo, os que lutaram contra a justiça também serão contemplados. Mas isso, repito, é a mesma coisa que um porco sonhar com uma lavoura de milho.

                                                                                                        

                                                                                            Advogados de Lula dormem em vez de defender o ilustre réu

 

 

Mais notícias: Boca no Trombone

Últimas notícias:

receba o impresso no e-mail em pdf