Últimas

  • Assinado contrato de R$ 4,9 milhões para obra de infraestrutura urbana

    img

    O Governo Municipal deu mais um importante passo para colocar em execução o projeto de revitalização da Avenida Uruguai.

    Na tarde desta quinta-feira, 22, foi efetivado o contrato de financiamento de R$ 4.500,000,00, com a Caixa, recursos do programa federal Avançar Cidades. O Município terá uma contrapartida de R$ 469 mil. O financiamento terá carência de 10 meses e será devolvido em 240 parcelas mensais, operação financeira autorizada pela Câmara de Vereadores.

     

    A assinatura do contrato contou com a presença do superintendente da Caixa na Região Oeste de SC, Ruben Valter Grams, do gerente geral da agência local, Cesar Freitag Migott e representantes da Gerência de Governo da Caixa.

     

    A OBRA

     

    Os recursos serão utilizados para dar início ao projeto de revitalização da Avenida Uruguai. O diretor de Projetos e Engenharia, Douglas Antônio Thiel, explica que os recursos serão aplicados na execução do primeiro lote do projeto que compreende duas frentes de trabalho:

     

    1ª - Trecho da Praça dos Pioneiros até a Rua Castelo Branco (unidade de Saúde Santa Teresa Baixo), para os serviços de implantação de novas redes de água, drenagem (água pluvial), esgoto e bombeamento de efluentes.

     

    2ª - Trecho da Praça dos Pioneiros até a Rua Teodoro Treis (Bebidas Splendor). Obras de implantação de nova camada asfáltica, ciclofaixa, canteiros, passeio público e pontos de reordenação do fluxo de trânsito.

     

    PRÓXIMO PASSO

     

    O prefeito Jorge Welter enalteceu a assinatura do contrato com a Caixa na tarde desta quinta-feira, o que significa a garantia de recursos para as obras. O Município está no aguardo da Câmara de Vereadores aprovar o projeto que abre rubrica de conta para depósito do recurso financiado, protocolado na Casa Legislativa dia 15/08, para finalmente lançar o edital de licitação da empresa a executar os serviços.

     

    OKTOBERFEST

     

    Os representantes da Caixa aproveitaram a oportunidade para assinar com a ACETI o patrocínio da instituição para a 41ª Oktoberfest.

    22/08/2019 Leia...

    -

  • Sicredi Celeiro RS/SC participa da 2ª Conferência Estadual de Professores Orientadores das Cooperativas Escolares

    img

    Sicredi Celeiro RS/SC trabalha em projeto de expansão das Cooperativas Escolares em sua área de atuação

    Compartilhar vivências, experiências e conhecimento sobre as Cooperativas Escolares foi o intuito da 2ª Conferência Estadual de Professores Orientadores das Cooperativas Escolares, que ocorreu na última quarta-feira, 21, no município de Teutônia. O evento foi realizado pela Casa Cooperativa de Nova Petrópolis, com apoio do Sescoop RS e Sicredi. 

    A Sicredi Celeiro RS/SC esteve presente, oportunizando aos professores das Cooperativas Escolares dos municípios de Tenente Portela e Derrubadas, além dos orientadores das novas Cooperativas de Sede Nova, Vista Gaúcha e Miraguaí, participarem da troca de aprendizados e agregarem práticas que possam servir de exemplos e inspiração.  Mais de 250 professores de 70 municípios estiveram reunidos.

    Durante a manhã, os professores participaram de mini palestras de 15 minutos.  Elas abordaram o tema “Ideias que merecem ser disseminadas” e trouxeram exemplos reais de cooperativismo na escola e sua forma de construir comunidades mais participativas. Além disso, ocorreu a palestra “A importância da mediação na e para práxis pedagógica”, ministrada pelo pedagogo Lui Nörnberg.

    Na parte da tarde, eles puderam participar de salas temáticas sobre Introdução ao Cooperativismo Escolar; Mediação na Cooperativa Escolar; Objeto de Aprendizagem – criatividade e inovação- e; Gestão Financeira na cooperativa escolar. Eles escolheram os temas estudados de acordo com os interesses de suas cooperativas. 

    O que são cooperativas escolares?

    As Cooperativas Escolares são associações de estudantes com finalidade educativa, podendo desenvolver atividades econômicas, sociais e culturais em benefício dos associados. Em sua essência, buscam formular uma proposta pedagógica com a participação do corpo discente em atividades práticas. 

    Tem como principal objetivo, oportunizar aos jovens uma formação que contribua com o desenvolvimento de futuros líderes, gestores, empreendedores e cidadãos com senso de responsabilidade e participação, através da vivência de um modelo cooperativo sustentável. 

    A Sicredi Celeiro RS/SC possui atualmente cooperativas escolares nos municípios de Derrubadas e Tenente Portela e está em processo de implementação nos municípios de Sede Nova, Vista Gaúcha e Miraguaí. 

    22/08/2019 Leia...

    -

  • ´A imprensa regional é importante para o futuro da nação´, afirma Bolsonaro

    img

    Em encontro com lideranças da Mídia Regional da Região Sul, presidente destacou os veículos regionais de comunicação. Presidente da Adjori/SC, José Roberto Deschamps, esteve presente

    O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou nesta quinta-feira (22), em Brasília, que o trabalho da imprensa regional é importante para o futuro da nação. A declaração foi durante café da manhã com 50 lideranças das entidades que representam os veículos de comunicação de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul.

    O encontro foi articulado pela Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão (Acaert). De acordo com o presidente da entidade, Marcello Corrêa Petrelli, o objetivo foi mostrar ao presidente o potencial e a atuação da Mídia Regional nos três estados do Sul. "Nossos veículos fazem comunicação em sintonia com a sociedade porque fazemos parte dela", disse.

    Bolsonaro reclamou da má vontade da mídia nacional em interpretar suas declarações sobre diversos assuntos. "Esse é o meu jeito de falar. Jeito que o povo entende. E não vou mudar", ressaltou. "Estamos construindo uma rota diferente do passado. Nós temos tudo para dar certo. Precisamos de união".

    Acompanharam o presidente o ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, general Luiz Eduardo Ramos, o ministro do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, o Secretário Especial de Comunicação Social, Fábio Wajngarten.

    "Esse é o jeito sincero do presidente. Discurso que foi eleito pelo povo brasileiro", destacou o general Ramos, amigo pessoal de Bolsonaro. Também prestigiaram o evento os deputados Rogério Mendonça Peninha (MDB), coordenador do Fórum Parlamentar Catarinense, e Coronel Armando (PSL).

    O presidente da Acaert foi porta-voz da comitiva. Em seu discurso, Petrelli lembrou que a Mídia Regional é defensora de suas cidades, lideranças e "todos aqueles que são agentes de progresso e desenvolvimento". Para ele, os programas locais de rádio e televisão, além dos jornais impressos, têm as maiores audiências nos municípios.

    "Nosso público aprendeu a desconfiar da mídia mal-intencionada, porque temos um propósito: pensar e agir diferente. Em primeiro lugar está nossa comunidade, a nossa região, o nosso estado", explicou Petrelli. "Somos a ponte para construir um verdadeiro diálogo com a sociedade, pautado pela informação e no compromisso com os fatos e a verdade", completou. Na comitiva, presidentes da Aerp, Agert, ADI dos três estados, Adjori de SC e PR. 

    O ex-presidente da Acaert e conselheiro de Comunicação do Senado, Ranieri Moacir Bertoli, também apresentou uma defesa da Mídia Regional e alertou ao presidente Bolsonaro sobre o grande aumento das rádios comunitárias no país. Entre 2004 a 2013, houve um aumento de concessão de radcom em 103%, totalizando 4.504 emissoras neste período. "São concorrentes que não pagam impostos e fazem uma política sem nenhuma fiscalização no cumprimento da lei", disse.

    O presidente da Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina (Adjori/SC) e do Sindicato das Empresas Proprietárias de Jornais e Revistas do Estado de Santa Catarina (Sindejor), José Roberto Deschamps, disse que foi muito importante a abertura de Bolsonaro para a imprensa regional e que ele foi muito "receptivo" e "atencioso".

    "Foi uma oportunidade única de mostrar a importância da mídia regional. E tenho a certeza de que o governo federal vai reconhecer isso. O jornalismo impresso do interior tem sido fundamental para formação cidadã e desenvolvimento das comunidades do nosso Estado", afirmou. 

    Na sequência do evento, os representantes almoçaram com a bancada catarinense em Brasília, com a presença dos senadores Esperidião Amin (PP) e Jorginho Melo (PL) e os deputados federais Carlos Chiodini (MDB), Carmen Zanotto (Cidadania), Peninha (MDB), Coronel Armando (PSL) e Ângela Amin (PP).

    Presidentes entidades:

    Marcello Corrêa Petrelli - presidente Acaert

    Marise Westphal Hartke - vice-presidente Abert

    Ranieri Moacir Bertoli - conselheiro de Comunicação do Senado

    Ana Paula S. Melo - presidente Sert/SC

    Christina Alavarez Gadret - presidente Sindirádio/RS

    Cezar Telles - presidente Sert/PR

    Roberto Cervo (Melão) - presidente Agert

    José Heriberto Michelleto - vice-presidente Aerp

    Lenoires da Silva - presidente ADI/SC

    Nery José Thomé - presidente ADI/PR

    Jedaias Pereira Belga - presidente ADI/Brasil

    Eladio Dios Vieira da Cunha - presidente ADI/RS

    José Roberto Deschamps - presidente Adjori/SC

    Elizio Jacy Siqueira Junior - presidente Adjori/PR

    Ademir Arnon - presidente da ACI

     

    22/08/2019 Leia...

    -

  • Educação realiza Seminário de Disseminação do Currículo Base da Educação Infantil e do Ensino Fundamental do Território Catarinense

    img

    Desta segunda-feira, 19, até quarta-feira , 21, está acontecendo no Golden Hotel, em São José (SC), o terceiro e último seminário sobre o novo Currículo Base da Educação Infantil e do Ensino Fundamental do Território Catarinense. Os 550 professores e gestores escolares, das redes municipal e estadual, serão os multiplicadores do documento de referência para as escolas dos 295 municípios do Estado.

    Nesta etapa os participantes estão divididos em cinco grupos, com temas específicos, Avaliação, Projeto Político-Pedagógico, Formação de Profissionais, Tecnologias da aprendizagem e Compreensão das áreas do conhecimento. “Nós escolhemos as temáticas mais urgentes e necessárias para subsidiar os multiplicadores nas próximas fases, quando irão repassar o conhecimento aos demais”, explicou a professora Cássia Ferri, consultora da Secretaria de Estado da Educação na implementação do currículo.  

    Na avaliação do secretário de Estado da Educação, Natalino Uggioni, que prestigiou a abertura do evento, “os professores participantes serão um elo importantíssimo para fazer com que, o conhecimento construído durante as três etapas do processo, chegue de fato às escolas”.

    “Neste encontro vamos concentrar esforços para que todos os participantes possam estruturar suas regionais e suas secretarias municipais de educação para trabalhar os cinco eixos. Ao final do seminário vamos apresentar uma arquitetura de formação que será executada nos próximos meses para capilarizar o conhecimento que há no currículo base”, explicou a secretária adjunta da Secretaria de Estado da Educação, Carla Bohn.

    O Professor Paulo Jaques Funke, da Escola Básica Municipal  Henrique Alfarth, de Joinville, é um dos redatores que está acompanhando o processo de discussão do novo currículo base desde a sua primeira etapa. “Desde que iniciamos a construção do novo currículo, estamos com um grande volume de trabalho fazendo o possível para que a participação dos profissionais da educação torne o documento legítimo”, destacou Paulo.

    O novo Currículo Base da Educação Infantil e do Ensino Fundamental do Território Catarinense foi escrito em regime de colaboração entre a Secretaria de Estado de Educação (SED), a União dos Dirigentes Municipais de Santa Catarina (Undime), o Conselho Estadual de Educação (CEE), a União Nacional de Conselhos Municipais de Educação (UNCME) e a Federação Catarinense de Municípios (Fecam).

    O documento norteado pela Base Nacional Comum Curricular do MEC, que estabelece conhecimentos, competências e habilidades para se desenvolver na educação básica, teve a versão catarinense aprovada pelo Conselho Estadual de Educação (CEE) no dia 17 de junho. Após a fase final de formatação, o currículo deve ser entregue em todas as escolas.

    19/08/2019 Leia...

    -

  • Divulgada programação do Encontro Anual dos Clubes de Mães

    img

    Confirmado ainda em 2018 por sorteio, o Encontro Anual dos Clubes de Mães de Descanso para este ano será na comunidade de linha Pratinha, em 15 de setembro. A programação é uma parceria entre o Governo Municipal por meio da Secretaria de Educação e Cultura e do grupo Lutando Venceremos.

    O prefeito Sadi Bonamigo classificou o evento como valorização. “Que as mulheres ligadas aos clubes possam participar deste dia com as atividades propostas, porque será único e especial”, convida.

    As presidentes ou representantes dos clubes de mães participaram de reunião nesta tarde de segunda-feira no Centro Administrativo. Foi divulgada a realização da tarefa beneficente e as antecipadas. Às 10h daquele dia, as mães vão participar de missa. Uma hora depois, elas continuam a gincana recreativa.

    Para às 12h será servido churrasco e acompanhamentos. As reservas de carnes podem ser feitas pelos seguintes contatos: 3623 0161, 3623 6073 (Clarice), 3196 1282 e 99164 2946 (Mirtes). As mães retomam a gincana e participam das atividades das 13h às 17h. 

    A secretária municipal Marise Prévide Giombelli destaca que o objetivo do Encontro Anual dos Clubes de Mães é a integração e o lazer. “O envolvimento e a participação de cada mãe são importantes para a realização das atividades”.

    19/08/2019 Leia...

    -

  • Experiências e perspectivas para as mulheres na política são debatidas na Câmara

    img

    Seminário “Mulheres na política: elas podem, o país precisa” trouxe debate com parlamentares e profissionais sobre participação feminina na vida pública

    Experiências políticas de mulheres parlamentares, legislação eleitoral, a história da participação feminina na política e perspectivas para a mulher na política foram alguns dos temas debatidos no último sábado (17) na Câmara de Vereadores de São Miguel do Oeste. O Legislativo foi palco do seminário “Mulheres na política: elas podem, o país precisa”, realizado durante todo o dia.  

    Após a abertura, pela manhã, os cerca de 110 participantes assistiram a uma mesa redonda com as deputadas estaduais Ada de Luca, Luciane Carminatti e Marlene Fengler, mediada pela presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, advogada Vanessa Pivotto. Na sequência, foi a vez da palestra “Participação das mulheres na política: desafios e críticas”, pela advogada e mestre em Direito Cláudia Bressan.

    À tarde, foi a vez da palestra “Mulher na política: histórico e perspectivas”, com a jornalista Renata Caleffi; a palestra “Participação das mulheres na eleição: aspectos legais”, com a juíza Janaína Alexandre Linsmeyer Berbigier e com a técnica judiciária Daniela Bergami Rosa; e por fim um debate com as vereadoras de São Miguel do Oeste Maria Tereza Capra (PT) e Silvia Teresinha Kuhn (MDB), respectivamente procuradora especial da Mulher e procuradora adjunta da Mulher.

    EXPERIÊNCIAS NA CÂMARA

    Na mesa redonda com as vereadoras, Silvia e Maria compartilharam experiências sobre seu mandato na Câmara, falando de projetos de sua autoria que viraram lei e compartilhando sua experiência como vereadoras. Silvia citou, por exemplo, o Programa Vereador Mirim, criado por projeto de sua autoria; a isenção de IPTU para pessoas com câncer, de autoria de Silvia e demais vereadores do MDB; o projeto que institui a Semana da Acessibilidade e Inclusão das Pessoas com Deficiência, em dezembro; e o Código do Bem Estar Animal. A vereadora do MDB ainda ressaltou que tramita na Câmara projeto de sua autoria voltado a ações sobre a Lei Maria da Penha e Lei do Feminicídio. “Nós temos condições de ser protagonistas de nossa história”, finalizou.

    Já Maria Tereza Capra citou as mulheres presentes que participam da política, sejam vereadoras, ex-vereadoras ou suplentes, afirmando que na política nada se faz sozinho. “É fundamental para as próximas eleições que os partidos políticos abram espaços nos seus diretórios para as mulheres”, destacou. Na sequência ela apresentou um balanço de seus dois mandatos como vereadora, e falou de projetos de sua autoria – ou em parceria com outros vereadores – que já são lei: o que trata de campanha de combate aos crimes de violência contra a mulher, criança e adolescente; o que trata do exame de PSA na rede pública de saúde; o que institui o Outubro Rosa; o que institui a menção honrosa Dandara dos Palmares; o que dá prioridade no atendimento a pessoas com deficiência; o que obriga a publicação de dados sobre recursos oriundos de multas de trânsito. Ela ainda falou sobre projetos que foram rejeitados ou que estão em tramitação, citando que nem sempre conseguiu apoio para suas propostas.

    AVALIAÇÃO

    A procuradora especial da Mulher na Câmara, vereadora Maria Tereza Capra, avaliou como positivo o evento e destacou a numerosa participação de mulheres e homens de toda a região. “As mulheres comprovaram que têm interesse e que trabalham na política”, afirmou, referindo-se às experiências compartilhadas pelas deputadas e vereadoras presentes. Ela citou que a experiência da mulher na política remonta ao início do século XX, e que é preciso conhecer e divulgar essa história. Para Maria Tereza, vereadora em segundo mandato, é preciso se preparar para estar na política e não se deixar abater pelos reveses. “É uma luta diária”, complementa. Por fim, ela elogiou a qualidade das palestras e ressaltou que são poucas as oportunidades para se aprofundar em temas como este.

    Já a vereadora Silvia Kuhn, procuradora adjunta da mulher, avaliou que “gratidão” é a palavra que resume o evento. Ela afirmou que graças ao seminário tivemos a presença de três deputadas em nosso município. “Todas as falas apresentadas comprovam que precisamos nos qualificar para ocupar os diferentes espaços. Somos tão capazes quanto os homens”, acrescentou.

    REALIZAÇÃO

    O evento foi promovido pela Câmara de Vereadores, através da Procuradoria Especial da Mulher, em parceria com a Escola do Legislativo Deputado Lício Mauro da Silveira, Assembleia Legislativa, Governo de Santa Catarina, Ministério Público, CRA-SC, Udesc, ENA – Fundação Escola do Governo, OAB de Santa Catarina, Banco do Brasil, Tribunal de Contas de Santa Catarina, Uvesc, Fecam, TRE-SC, IBGE, Ameosc e Aveosc

    19/08/2019 Leia...

    -

  • Premiação Adjori

    img

    O Jornal Imagem, recebeu o prêmio de melhor fotografia 2018 das mãos do Presidente da Adjori, José Roberto Deschamps. Vale lembrar, que em 2017 o Jornal Imagem recebeu o prêmio de Melhor Editorial. O prêmio foi entregue sábado, em Florianópolis, durante congresso estadual da Associação do Jornais do Interior.

    19/08/2019 Leia...

    -

  • Em reunião com DNIT e PRF Lideranças definem prioridades na Serra

    img

    A deputada federal Carmen Zanotto participou nesta segunda-feira, 19, na Associação Empresarial de Lages (Acil) de reunião com lideranças políticas, sociedade civil organizada, representantes da PRF e do DNIT para tratar das melhorias da BR-282. Três pautas foram debatidas: a ampliação de terceiras faixas, o aumento de velocidade máxima permitida e a instalação das passarelas.

    Ficou definido que os locais de prioridade da inclusão das terceiras faixas são: morro na localidade de Índios, do Km 207 ao Km 211, no lado esquerdo da pista (sentido Lages) e do Km 213 ao Km 209, no lado direito da pista (sentido Florianópolis) como prioritárias. Total de 8 km de terceira faixa, uma terceira faixa do Km 221 ao Km 224, para viabilizar as melhorias e prolongar sua extensão, tendo em vista a trafegabilidade próxima ao acesso da BR 116 e o prolongamento da Marginal Sul, entre o Aeroporto de Lages e o acesso a São Joaquim.

    “Colocarei como prioridade nas nossas demandas a inclusão das terceiras faixas nestes pontos apresentados”, disse o Superintendente do DNIT/SC, Ronaldo Carioni Barbosa.

    Sobre o aumento da velocidade mínima, um levantamento apresentado pela PRF mostrou que 90% dos motoristas trafegam entre 100 e 110 quilômetros por hora. Entre os veículos pesados a média é de 80 a 89km/h.

    “Essa reunião foi para unir forças e juntos solicitarmos as melhorias para a nossa região, as terceiras faixas são essenciais para a segurança dos motoristas, bem como a conclusão das passarelas no perímetro urbano de Lages em que houve mortes por atropelamento. Levarei as demais para o Fórum Parlamentar para que possamos buscar os recursos necessários para as obras e cobrar mais agilidade na conclusão”, destaca Carmen Zanotto.

    Sobre o estudo de aumento de velocidade na rodovia, a parlamentar ressalta que irá buscar junto aos órgãos federais a possibilidade de mudança dos autuais 80km/h para 100km/h.

    Para o prefeito de Bocaina do Sul, Luiz Carlos Schmuler, os redutores de velocidade que foram desativados devem voltar a funcionar, pois houve a diminuição de acidentes depois que eles foram instalados e ele teme que os acidentes voltem a ocorrer mais frequentemente.

     

    Ainda Participaram da reunião, o presidente da Amures e prefeito de Bom Retiro, Vilmar José Neckel, prefeito de São José do Cerrito, Arno Marian, prefeita de Vargem, Milena Andersen Lopes Becher, prefeito de Lages, Antonio Ceron chefe da delegacia da PRF em Lages, Inspetor João Paulo Haas, inspetor Carlos Magno Júnior, Superintendente do DNIT em Lages, Enio Spieker, presidente da Acil, Sadi Montenezzo e demais membros da diretoria, vereador Maurício Batalha, Presidente da União das Associações de Moradores de Lages, Antonio Carlos Costa (Tita) e presidente da associação de moradores do bairro Gethal, Aldori Wolff, o Pelé.

    19/08/2019 Leia...

    -

  • Inscrições para o Mestrado em Direito vão até o dia 4 de outubro

    img

    A Unoesc abriu Edital para o preenchimento de 28 vagas do Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Direito (Mestrado Acadêmico) para o primeiro semestre de 2020. Os interessados podem se inscrever até 4 de outubro, no site da universidade. A efetivação da inscrição ocorrerá após o pagamento da taxa, no valor de R$ 70,00.

    As 28 vagas serão distribuídas entre as duas linhas de pesquisa do Curso de Mestrado em Direito, que são “Direitos Fundamentais Civis: a Ampliação dos Direitos Subjetivos” e “Direitos Fundamentais Sociais: Relações de Trabalho e Seguridade Social”

    O endereço para entrega ou envio postal dos documentos é a Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc), Secretaria do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Direito - Mestrado em Direito, Av. Nereu Ramos, 3777-D, Bairro Seminário, CEP: 89813-000 - Chapecó/SC.

    A seleção dos candidatos será composta de três etapas: prova escrita, análise de currículo e entrevista e análise do pré-projeto de dissertação. A relação dos aprovados será divulgada no dia 12 de março de 2020. Em caso de dúvidas, é só entrar em contato com a Secretaria do Mestrado em Direito pelo telefone (49) 3319-2684 ou e-mail assessoria.ppgd@unoesc.edu.br.

    19/08/2019 Leia...

    -

  • Deputado Carlos Chiodini reforça pedido pela duplicação da BR-280 em encontro com o presidente Bolsonaro

    img

    Parlamentares catarinenses entregaram lista com prioridades para Santa Catarina

    O deputado federal, Carlos Chiodini, e integrantes do Fórum Parlamentar Catarinense, entregaram nesta quinta-feira (15) ao presidente da República, Jair Bolsonaro, uma lista de prioridades para Santa Catarina. Em reunião prévia, cada parlamentar elencou situações que precisam ser resolvidas em sua região. Chiodini reforçou a duplicação da BR-280, que entrou nos destaques dos pedidos de infraestrutura rodoviária. 

    Juntos, senadores e deputados federais pediram pela duplicação da BR-470 e BR-280, pela revitalização da BR-282/158, reconstrução da BR-163, finalização da BR-285, Contorno Viário da Grande Florianópolis (Parte da Concessão da BR-101), pela adequação e manutenção das bacias de evolução e canais de acesso aos portos catarinenses, pela melhoria na infraestrutura e agilidade nos processos de concessão dos aeroportos, pela aplicação de recursos para manutenção das estruturas das barragens de contenção de cheias, e pelo ressarcimento dos prejuízos causados a Santa Catarina, reconhecidos pelo Ministério da Saúde.

    15/08/2019 Leia...

    -

  • Administração conclui roteiro de 30 reuniões para revisão do programa “O Povo Fala”

    img

    Em três meses, percentual de demandas já atendidas ou em andamento subiu de 68% para 82%, e investimento total contabilizado aumentou de 28,2 para R$ 34,4 milhões

    Está concluído o roteiro de reuniões para revisão do programa “O Povo Fala”, nas comunidades do interior e bairros de São Miguel do Oeste. Ao todo, foram 30 encontros. Os últimos dois aconteceram nesta terça-feira (13), na linha Dois Irmãos, incluindo também os moradores das linhas Oito de Março e 26 de Outubro; e quarta-feira (14), no bairro Agostini. Foram exatamente três meses de reuniões, com a participação de aproximadamente 1.400 pessoas.

    O prefeito, Wilson Trevisan, esteve presente em todo o roteiro, fazendo a prestação de contas geral das ações já realizadas em sua administração, e também sobre o andamento dos trabalhos específicos de cada localidade.

    Na primeira rodada de reuniões, em 2017, 44 comunidades e bairros elencaram suas cinco prioridades. Destas 220 demandas, 68% já estavam concluídas ou em execução no início do roteiro de revisão, três meses atrás. Agora, 82% delas tiveram algum andamento. “Estas são as reais necessidades dos bairros e interior do município, definidos pelos próprios moradores, e são compromissos que assumimos e estamos cumprindo”, salienta o prefeito.

    Já na prestação de contas de contas geral, o roteiro iniciou com R$ 28,2 milhões de investimento total nas mais diversas áreas. Agora, o valor contabilizado já chega a R$ 34,4 milhões, e segue aumentando. “Devemos chegar ao final de nossa gestão, com cerca de R$ 50 milhões investidos em prol da população. São investimentos que só se tornaram possíveis com uma gestão ousada e eficiente, cortando cada gasto desnecessário e colocando o dinheiro público onde realmente importa”, destaca o prefeito.

    Trevisan agradece a todos que participaram das reuniões para revisão do programa “O Povo Fala”, onde também foram levantadas novas demandas, explicado aquilo que não seria possível executar, trocadas algumas prioridades e apresentadas as ações realizadas além daquilo que foi solicitado. “Além destes 82% de ações que já executamos ou damos algum encaminhamento, temos um número igual ou até maior a este, de melhorias que foram realizadas”, pontua o prefeito.

    15/08/2019 Leia...

    -

  • Bancada Catarinense toma café da manhã com Presidente Bolsonaro

    img

    A bancada catarinense do Congresso Nacional (composta pelos três senadores e 16 deputados federais, exceto Pedro Uczai que não compareceu), se reuniu na manhã desta quinta-feira (15) para um café com o presidente Jair Bolsonaro e ministros do governo.

     

    Na pauta, a entrega de uma lista de pleitos, elaborado e avalizado pela bancada, que têm como prioridade a infraestrutura logística, tão importante para o escoamento da produção de Santa Catarina, que é o maior na avicultura, suinocultura, e tantas outras riquezas.

     

    O deputado federal Celso Maldaner, ferrenho defensor do extremo oeste, não poderia deixar de elencar o seu pedido para que as obras de recuperação da BR 282/158 não sofram alterações de cronograma devido a falta de recursos e que as obras da 163 sejam retomadas com urgência.

     

    Para ele, chegou a vez de Santa Catarina  estar nas prioridades do governo, pois é a 5ª economia do país e o 21º em retorno, isso quer dizer, que arrecada  R$ 50 bilhões por ano com retorno de aproximadamente R$ 8 bilhões.

     

    Outros pleitos como as concessões dos aeroportos e adequação e manutenção dos portos catarinenses, e o ressarcimento de recursos para a saúde reconhecidos pelo Ministério da Saúde entraram na pauta.

     

    Até o final do ano a bancada deve se reunir novamente com o governo para analisar os encaminhamentos.

    15/08/2019 Leia...

    -

  • Setor de Oncologia do Hospital Regional Terezinha Gaio Basso completa 1 ano

    img

    Nesta terça-feira, 13, durante o encontro do Grupo Onco +Vida, o primeiro ano foi lembrado com a apresentação de números do atendimento. O paciente, Dimítri Abdalla e o psicólogo William Lima também apresentaram poesia e música e o palestrante Álvaro Loro, deixou seu depoimento aos participantes.

     

    O diretor de apoio do Hospital Regional, Rodrigo Lopes, destaca que os números representam o crescimento esperado, mas muito mais rápido que o planejado. “Em poucos meses, atingimos metas que prevíamos levar mais tempo. Um exemplo, são as cirurgias. Chegamos a realizar 60 procedimentos em um mês”, recorda.

     

    Ao todo, nos 12 meses de atendimento, foram realizadas mais de 4 mil consultas e retornos, sendo que do total, quase 800 são de pacientes novos. “Os dados reforçam o estudo e a portaria do Ministério da Saúde que estimavam 600 novos casos ao ano na região atendida”, explica o diretor Rodrigo.

     

    Nos primeiros 365 dias do serviço, foram realizados cerca de 17.500 exames clínicos, de imagem e de patologia. Além disso, quase 500 procedimentos cirúrgicos foram realizados fechando uma média de mais de 40 cirurgias por mês.

     

    No setor de quimioterapia, são mais de 100 pacientes em tratamento ou que realizaram sessões. Desse total, 54% são homens e 46% são mulheres de São Miguel do Oeste (28%); Maravilha (15%); Itapiranga (10%); São José do Cedro (7%); São João do Oeste (5%); Mondaí e Iporã do Oeste (4%); Romelândia, Tunápolis e Santa Helena (3%); Anchieta, Barra Bonita, Belmonte, Guaraciaba, Saltinho e Saudades (2%); Bandeirante, Descanso, Flor do Sertão, Guarujá do Sul, Modelo, Paraíso, Princesa e São Miguel da Boa Vista (1%).  

    Entre os tipos de câncer, os diagnósticos mostram os três principais: câncer de próstata (33%), de mama (32%) e de cólon (13%). 

     

    Contratação de novos profissionais

    A equipe também aumentou neste primeiro ano. O serviço iniciou com 2 médicos, um oncologista clínico e um cirurgião oncológico. Atualmente, o número dobrou, sendo contratados dois novos profissionais da área. Além disso, todo o corpo clínico do Hospital Regional atua em consultas e exames e a equipe multiprofissional foi reforçada em número e qualificação com treinamentos na área, sendo que todos os setores realizam atendimentos diretos e indiretos ao serviço de oncologia.

    13/08/2019 Leia...

    -

  • Secretaria de Obras planeja 60 dias de trabalho no Parque da Faismo

    img

    Comissão de Infraestrutura da Faismo 2019 esteve vistoriando o local na manhã desta segunda-feira (12)

    Os integrantes da Comissão de Infraestrutura da “Faismo 2019 – O Nosso Melhor!”, acompanhados de representantes da Comissão Central Organizadora (CCO) e da Comissão de Agricultura do evento, realizaram na manhã desta segunda-feira (12), uma vistoria às instalações do Parque de Exposições Rineu Gransotto.

    Na ocasião, diversas necessidades foram verificadas, como a questão de britagem, cascalhamento, instalações elétricas e hidráulicas, banheiros, estrutura física dos pavilhões, iluminação, lixeiras, coberturas e instalação de palco alternativo, entre outras.

    O coordenador geral da Faismo, Edenilson Zanardi, lembrou que, além destas situações, o prefeito, Wilson Trevisan, informou que será construído um novo portal fixo na entrada do Parque de Exposições. Também iniciaram os trabalhos para construção de um novo pavilhão, que já será utilizado a partir da Faismo deste ano, para a Mercoleite.

    O secretário municipal de Obras, Vilmar Bonora, que também é o coordenador da Comissão de Infraestrutura da Faismo, informou que a Secretaria já possui um planejamento para realização de diversas adequações no Parque de Exposições. “Para isso, deixaremos nossas máquinas disponíveis no local durante os 60 dias que antecedem a Feira, para que tudo esteja preparado da melhor forma possível para a Faismo deste ano”, destaca.

    A Faismo 2019 acontece entre os dias 14 e 17 de novembro, em São Miguel do Oeste.

    12/08/2019 Leia...

    -

  • Sicredi Celeiro RS/SC e Uceff realizam palestra sobre Capitalismo Consciente

    img

    Repensar valores e novas formas de alavancar a economia com consciência e responsabilidade é uma necessidade das empresas que se preocupam com as comunidades e as futuras gerações. Esse foi o intuito da palestra “Capitalismo consciente: uma nova era econômica”, ministrada por Thomas Eckschmidt, que aconteceu junto ao Clube Imigrante, em Itapiranga/SC, na noite de sexta-feira, 09.  O evento foi promovido pela Sicredi Celeiro RS/SC em parceria com a Uceff Itapiranga.

    Estiveram presentes no evento cerca de 350 pessoas, entre eles acadêmicos da Uceff, professores, empresários e comunidade local. Voltando o tema da palestra ao empreendedorismo, eles puderam conhecer novas maneiras de pensar o propósito das empresas, com valores mais conscientes, humanos e próximos. 

    Thomas é um ex-produtor rural, engenheiro pela Universidade de São Paulo, com MBA Executivo em Finanças pela Business School São Paulo. Executivo internacional com experiência em diversos setores e em 20 países, Empreendedor em série de negócios conscientes com mais de 12 prêmios, inovador com 4 patentes depositadas, autor com 12 livros publicados palestrante internacional com participação no TEDx (mais de 200 mil visualizações). Hoje, Thomas Eckschmidt é Cofundador da comunidade Consious Business Journey (www.CBJourney.com) que desenvolve negócios como uma força para o bem com atuação nos Estados Unidos, Israel e Brasil e mais de 610 profissionais formados. Também Cofundador e Ex-Diretor Geral do movimento Capitalismo Consciente no Brasil e da Argentina, palestrante oficial do Conscious Capitalism International, coautor de Conscious Capitalism Field Guide (Harvard) e atua como conselheiro em diversas empresas.

    Com uma linguagem simples, o palestrante conseguiu inspirar novos olhares à aplicação de uma nova economia, não voltada somente a valores monetários. Ele mostrou a face de um sistema capitalista que valoriza a consciência, o diálogo e as trocas positivas e humanas com as comunidades.

    12/08/2019 Leia...

    -

  • Projeto Meu Mundinho Mágico é desenvolvido em creche municipal

    img

    Vivências da infância com foco nas férias foram o principal objetivo do trabalho com as turmas do Maternal

    Algumas turmas do Centro de Educação Infantil Mundo Mágico, do bairro São Gotardo, desenvolveram atividades diferenciadas, baseadas nas vivências da infância com foco nas férias escolares.

    As professores Débora Furlanetto e Maria Tressoldi enviaram para cada uma das famílias uma sacola contendo um bilhete com os seguintes dizeres: “Chegaram as férias, e agora vamos descansar. Você pode passear ou ir a um parque visitar, subir as altas montanhas ou simplesmente ver o mar. Andar de bicicleta ou pelos campos cavalgar, caminhar na calçada ou com uma bola brincar”.

    Foi solicitado que cada criança e sua família reunissem materiais das férias: “se você leu alguma coisa legal, guarde aqui; se foi convidado para algum aniversário, guarde o convite ou alguma coisa da festa; se chupou um picolé, guarde aqui o palito; se viu um filme ou desenho, se brincou com algum brinquedo ou brincadeira legal, escreva o nome ou desenhe e guarde aqui; pode trazer imagens se quiser, mas traga ele cheinho em agosto”.

    Conforme a diretora Marisa Mendonça, no retorno à creche, as professoras realizaram a rodinha das conversas onde cada criança relatou o que vivenciou, por meio de fotos, filmagens e falas. Durante a semana foram feitas filmagens com o relato destes momentos pelos familiares e exposição de todos os materiais.

    Agora, está em andamento o cinema com as filmagens dos pais e crianças. E, para finalizar o projeto, serão buscadas parcerias para organizar os espaços externos, com a ampliação da casinha e a criação de diferentes momentos de conhecimento e vivências nestes espaços.

    “A avaliação que podemos fazer é que um brincar pensado, planejado e organizado, onde as interações e brincadeiras são os eixos fundamentais para a infância de uma criança, torna-se significativo para suas vivências. Pois quando ela perde a capacidade de brincar, perde também a conexão com sua essência”, finalizou a coordenadora pedagógica Graziele Piola.

    09/08/2019 Leia...

    -

  • Vereador Elias Araújo assume a presidência da Comissão Provisória do Partido Social Democrático (PSD)

    img

    Convenção do partido realizada em junho escolheu os novos membros dirigentes da Comissão Provisória

    O Partido Social Democrático (PSD) está em movimento em todo o Estado. Aqui em São Miguel do Oeste o vereador Elias Araújo do Rosário foi oficialmente eleito no dia 4 de junho como novo presidente da Comissão Provisória do partido. Ele assume o comando que era ocupado até então pelo prefeito Wilson Trevisan há quatro anos e que agora segue na coordenação regional. Elias Araújo terá como vice-presidente Vilmar Bonora, tesoureiro Paulo Ricardo Drumm e secretário Nélvio Paludo.

    O novo presidente afirmou que a ideia é unificar o partido, preparando-o para o pleito de 2020, em conjunto com as lideranças, com as mulheres, com os jovens e todos os demais filiados. “Meu objetivo é oxigenar o partido buscando novas lideranças, preparar, estimular e agregar nas ideias para que possamos transformar o PSD em referência partidária”, disse Elias, aspirando as futuras eleições.

    09/08/2019 Leia...

    -

  • Carmen Zanotto participa da oficialização da união entre Ambev e HBSIS

    img

    A deputada federal Carmen Zanotto participou na noite de quinta-feira, 08, da oficialização da união da Cervejaria Ambev com a empresa catarinense HBSIS, localizada em Blumenau. A empresa já era prestadora de serviços em tecnologia da informação há mais de 20 anos para a Ambev.

    “Este é um importante investimento para o nosso Estado, que vem se destacando, cada vez mais, como um polo de tecnologia e inovação. A expectativa é até o ano que vem sejam contratados mil colaboradores. Além de contribuir com a economia de Santa Catarina, a empresa se preocupa com a sustentabilidade ambiental e projetos sociais”, destaca Carmen Zanotto.

    A parlamentar ressalta também, que 90% da cerveja que é consumida em Santa Catarina é produzida em Lages.

    09/08/2019 Leia...

    -

  • Deputado Mauricio Eskudlark comemora números da Segurança Pública de Santa Catarina

    img

    Parlamentar parabenizou o Governador Moisés, destacou o trabalho integrado entre as forças de segurança e elogiou as polícias catarinenses.

    O deputado Maurício Eskudlark (PL) comemorou a divulgação do mapa da segurança pública divulgado pelo IPEA em relação ao ano de 2019. “Santa Catarina se destaca apresentando três cidades entre os 20 municípios do país com mais de 100 mil habitantes que têm os menores índices de homicídios: Jaraguá do Sul (4º), Brusque (5º) e Tubarão (15º). Isso acontece por causa da forma da distribuição da população, da qualidade do nosso povo, da segurança pública e das ações que são levadas para colocar Santa Catarina num patamar que é desejo de todas as cidades”, avaliou.

    Delegado de polícia com mais de 30 anos de atuação no setor, e atual Presidente da Comissão de Segurança Pública, Eskudlark destacou que o estado vem, desde o início do ano, usando uma nova forma diferente de administrar a segurança, com um colegiado de Segurança Pública. “Nosso agradecimento ao Governador Carlos Moisés e sua equipe, este é o resultado da implantação do colegiado, com a integração das forças de segurança, além do chamamento dos aprovados em concursos e outras ações.  Antes tínhamos uma secretaria que recebia os pleitos e que chamava os comandos para encontrar soluções, hoje são os próprios comandantes que fazem esse trabalho com seus profissionais e que adotam as medidas de segurança. O estudo do IPEA reforça que o que tem sido feito em Santa Catarina tem dado resultado”, garantiu.

    Apesar dos bons resultados de forma geral, o parlamentar destaca que a preocupação ainda não acaba, citando o caso de Florianópolis, que entre as capitais é a 7ª colocada, com índice de 30 homicídios por 100 mil habitantes, número que é elevado, pois a ONU indica até 10 como o limite aceitável. Em Jaraguá do Sul o índice é de 5,5 por 10 mil habitantes, em Brusque 5,8 e em Tubarão 8,1. “Temos uma polícia que é referência no Brasil, equipada, valorizada e atuante, e isso ajuda muito para que os índices de criminalidade sejam baixos”, concluiu Eskudlark.

    09/08/2019 Leia...

    -

  • Alesc resolve impasse e mantém incentivos fiscais ao agronegócio

    img

    De autoria do Deputado Marcos Vieira, Lei 236 prorroga até final do mês benefícios a diversos setores e mantém aberto debate com governo


    A Assembleia Legislativa aprovou, por unanimidade, na quarta-feira (7/8), a redação final do Projeto de Lei 236/2019, de autoria do Deputado Marcos Vieira (PSDB), presidente da Comissão de Finanças e Tributação, que suspende os efeitos dos decretos governamentais 1.866 e 1.867, de 2018, que eliminavam incentivos fiscais a diversos segmentos econômicos.
    Considerado o grande articulador de todo o processo que levou até a aprovação do PL, o Deputado Marcos Vieira explicou que, na prática, a matéria mantém até o próximo dia 31 de agosto a alíquota de 7% no ICMS cobrado a diversos produtos, como carnes de suínos e aves, água, erva-mate, lacticínios, farinha de trigo, cerâmica vermelha, entre outros, além da isenção fiscal aos defensivos agrícolas, algo que preocupava toda a cadeia do agronegócio catarinense.
    "A Assembleia Legislativa fez o seu papel perante a sociedade catarinense, levantando o debate, chamando as entidades representativas a opinar e buscando sempre uma conversação com o Governo do Estado para que o resultado seja positivo para os catarinenses. Penso que atingimos este objetivo plenamente, pois agora deputados e governo, através da Secretaria da Fazenda, terão tempo para negociar uma solução definitiva que não resulte em aumento de carga tributária e prejuízos para a economia do Estado", ressaltou o Deputado Marcos Vieira.
    O parlamentar acrescentou ainda que o projeto foi aprovado com emendas modificativas e aditivas que tornam seus efeitos retroativos a 31 de julho. E uma novidade foi a revogação do artigo 13 da Lei 17.698/2019, que estabelecia as metas para a redução da renúncia fiscal por parte do Governo do Estado. "Na prática, a Assembleia desobrigou o Governo de cumprir esta meta até o final do ano, retornando apenas em 2020, o que vai permitir que todos os setores que ainda não tiveram seus pleitos analisados, possam ser agora no chamado rescaldo", detalhou o Deputado Marcos Vieira.
    A matéria segue agora para ser sancionada ou não do governador Carlos Moisés (PSL).

    08/08/2019 Leia...

    -